GINCANA ESCOLAR

Canal Viva Bem


Foto: Juarez Silveira/SEED


Na manhã de terça-feira, 18/11, foi dada a largada para as competições da 6ª edição da “Gincana Solidária Mãos Amigas” no combate ao mosquito da Dengue. O evento é uma promoção da TV Sergipe, em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (SEED). Até o dia 13 de dezembro, alunos de escolas públicas dos bairros América, Santos Dumont e Industrial desenvolverão atividades e cumprirão tarefas que poderão resultar na conquista de pontos, premiações e, o mais importante, na redução dos índices de foco e infestação do mosquito transmissor da Dengue em suas comunidades. Na última temporada, esses três bairros apresentaram números elevados de casos da doença, de acordo com dados da Secretaria de Saúde de Aracaju.


Cada equipe, formada por membros da comunidade escolar das escolas sedes, será representada por uma cor. O Colégio Estadual Olavo Bilac, do bairro Santos Dumont, estará de azul; a Escola Estadual Fernando Souza Porto, situada no bairro América, de vermelho e o Colégio Estadual Castelo Branco, do bairro Industrial, de verde.


Para dar as boas vindas e agradecer pela parceria, representantes da TV Sergipe reuniram diretores e coordenadores das escolas participantes, o secretário de Estado da Educação, professor José Fernandes de Lima, a secretária de Educação de Aracaju, Tereza Cristina da Graça, o secretário da Saúde de Aracaju, Marcos Ramos e representante da vigilância epidemiológica, envolvidos na execução da proposta, para fazer o lançamento oficial da gincana. Eles participaram de almoço, que aconteceu na manhã desta terça-feira, 18, em um dos estúdios da emissora e com transmissão ao vivo.


“Essa idéia surgiu dentro do nosso jornalismo com o objetivo de contribuir com a melhoria da qualidade de vida do povo sergipano”, disse a diretora de jornalismo da TV Sergipe, Lígia Tricot, ao explicar a gincana solidária de 2008. Na mesma ocasião, a diretora agradeceu aos parceiros por terem acatado a idéia da equipe de jornalistas.


Lígia Tricot informou aos participantes que desde sua criação, o projeto “Mãos Amigas” já beneficiou a Creche Almir do Picolé, o Lar de Zizi e o GACC (2003), a Ação Solidária Santo Antônio, a Ação Solidária Vovó Marita e a Casa Maternal Amélia Leite (2004). Também contribuiu com o Same, o Izaías Gileno e o Asilo Rio Branco (2005), além da Apada, a Apae o a Amas (2006). Já foram contemplados a Creche Dom Távora, a Creche União Espírita e a Associação dos Amigos da Oncologia (AMO).


O secretário da Educação, professor José Fernandes de Lima, agradeceu a oportunidade que a afiliada da TV Globo está dando aos alunos das escolas públicas ao envolvê-los nesse projeto de conscientização. “Sabemos que em muitas unidades de ensino esse tema já vem sendo trabalhado pelos professores ao longo do ano. Mas, sem dúvida alguma, essa gincana dará uma nova dimensão a estas comunidades”, disse o professor Lima, lembrando que, cada aluno e cada membro da equipe diretiva, poderão se tornar multiplicadores destas idéias.



Critérios e pontuação


De acordo com os critérios da TV Sergipe, essas unidades sedes Olavo Bilac, Fernando Souza Porto e Castelo Branco deverão contar com o apoio das demais escolas dos bairros onde estão situadas.


“Vocês ficarão livres ainda para buscar parcerias com empresas privadas dos bairros, no sentido de arrecadarem recursos ou apoio para as ações de combate”, explicou Glice Rosa, editora-chefe do SETV 1ª Edição e responsável pela coordenação do projeto.


A jornalista explicou que a pontuação das equipes será por ação realizada, a depender da dificuldade da mesma. “Um mutirão vale 1.000 pontos. Uma rua limpa, outros 500 pontos. Uma praça limpa, mais 700 pontos. Um terreno baldio limpo, mais 500 pontos. E um terreno cercado, 1.000 pontos”, disse Glice Rosa.



Prêmios


O primeiro lugar ganhará um laboratório de computação, com quatro computadores e mesas instalados. O segundo lugar receberá uma televisão e um aparelho de DVD. O terceiro lugar receberá uma televisão. Os prêmios serão anexados ao patrimônio da escola, sob registro em cartório, bem como nas secretarias de educação do estado e município. A doação será realizada pela TV Sergipe. Os participantes também receberão troféus e medalhas.


A emissora também dará cobertura jornalística. Além das reportagens no SETV 1ª Edição, a TV pode inserir reportagens em outros telejornais, alcançando o público no sentido do alertar para as medidas preventivas de combate à Dengue.



Ação


E a primeira ação das escolas na batalha contra a dengue, dentro do que propõe a gincana solidária “Mãos Amigas”, foi apresentada nesta terça-feira, na Praça Ulisses Guimarães, no bairro Santos Dumont. Alunos de seis unidades das redes estadual e municipal se uniram numa demonstração de que já estão prontos para entrar em campo e combater o mosquito.


Eles expuseram trabalhos com maquetes, desenhos e participaram de peça teatral e coral. “Essas atrações e ações simbolizam o interesse e o envolvimento de crianças e jovens ao projeto, já no primeiro dia da gincana”, disse o professor Aurélio de Matos, diretor da Escola Estadual José da Silva Ribeiro Filho, uma das aliadas do Olavo Bilac.