Técnicos do Ministério da Saúde vêm a Sergipe para discutir ações da Atenção Básica

Canal Viva Bem


A Secretaria de Estado da Saúde (SES), através da Coordenação de Atenção Básica, receberá a visita de técnicos do Ministério da Saúde (MS) para discutir ações da área e apresentar projetos de prevenção e promoção à saúde do Governo de Sergipe. Os profissionais do MS estarão em Aracaju a partir de segunda-feira, 18/2, até sexta-feira, 22/2.


De acordo com Cristiane Melo, gestora da Atenção Básica da SES, o debate entre os técnicos do Ministério e da Secretaria também vai girar em torno da implementação dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF), iniciativa que vai ampliar o número de profissionais vinculados às equipes do Programa de Saúde da Família (PSF).


Os núcleos reunirão profissionais das mais diversas áreas de saúde, como médicos (ginecologistas, pediatras e psiquiatras), professores de Educação Física, nutricionistas, homeopatas, assistentes sociais, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, psicólogos e terapeutas ocupacionais, entre outros. Esses profissionais não prestarão atendimento ambulatorial, mas vão atuar em parceria com as equipes do programa.


Os profissionais vão discutir ainda a implantação de prontuários para que os municípios sergipanos repassem periodicamente um registro das ações de saúde realizadas. “Vamos apresentar nossa proposta de avaliação, monitoramento e apoio institucional aos municípios, contemplada na política estadual de Atenção Básica. O MS está no momento de conhecer as experiências de êxito dos Estados e ajudar a pensar como melhorar as ações já implantadas”, explicou Cristiane.


Integração


Segundo ela, os técnicos do Ministério também vão auxiliar a equipe da Secretaria a formular a reestruturação dos hospitais de pequeno porte que se transformarão em Clínicas de Saúde da Família, funcionando durante 24 horas. “Vamos discutir a integração do pronto-atendimento e das equipes do PSF. Também apresentaremos nossos projetos de prevenção e promoção à saúde, voltados aos jovens (Conte Comigo) e às mulheres (Bem Mulher)”, completou Cristiane.