Sintasa reúne-se com Prefeitura de Umbaúba no Ministério Público

Canal Viva Bem


Para resolver definitivamente a situação dos agentes de saúde de Umbaúba, o Sintasa agendou uma reunião na promotoria local do Ministério Público, para às 10h30 do dia 14 de maio, com o prefeito José Guimarães. Na pauta de discussão consta o aumento digno nos salários, melhores condições de trabalho, INSS e uso de equipamentos de proteção individual.


No dia 08 de abril, o Sintasa realizou uma assembléia geral com os trabalhadores e a categoria decidiu entrar em greve por tempo indeterminado. A paralisação começou dia 11, com concentração em frente à prefeitura da cidade. Desde março que o Sindicato dos Trabalhadores na Área da Saúde do Estado de Sergipe (Sintasa) vinha realizando na cidade de Umbaúba, mobilizações com Agentes de Saúde.


O prefeito de Umbaúba, José Guimarães, reuniu-se com a direção do Sintasa no dia 22 de abril para negociar o fim da greve no município. E foi o que aconteceu. Com isso, foi agendada uma nova reunião para o dia 29 para discutir a situação da saúde no município. Nesta reunião, não houve avanços e os trabalhadores ficaram mais uma vez no esquecimento da prefeitura.


“Os trabalhadores foram abandonados pela gestão municipal. Os salários são baixos e as condições de trabalho precárias. O que atinge também a população da cidade”, explica Augusto Couto, presidente do Sintasa.