SERGIPE RECEBERÁ R$ 60 MI PARA REDES DE ATENÇÃO

Canal Viva Bem

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, inaugurou um novo hospital no interior de Sergipe nesta quinta-feira, 24/11. Com mais de 100 leitos e atendimento de emergência, o Hospital Regional de Estância atenderá toda a região sul do estado. Padilha, em sua visita, anunciou recursos adicionais na ordem de R$ 60 milhões/ano para a estruturação da Rede Cegonha e do Saúde Toda Hora na região. Essas duas estratégias foram lançadas neste ano pelo Ministério da Saúde e preveem ações para a melhoria da assistência às gestantes e expansão do atendimento de urgência e emergência.


“Inauguramos serviços importantes e que fazem parte da Rede Cegonha. Esta é uma prioridade do Ministério da Saúde que visa oferecer um atendimento mais humanizado às gestantes, para que, nesse momento tão importante, elas se sintam mais seguras”, destacou Padilha. Segundo ele, na estruturação desses serviços, bem como os do Saúde Toda Hora, o fundamental é buscar fazer mais com os recursos disponíveis. “O contrato que estamos firmando hoje com Sergipe para a liberação de mais recursos para o estado traz um modelo de gestão mais eficiente, que define claramente metas a serem alcançadas”, acrescentou.


INAUGURAÇÕES – O ministro da Saúde inaugurou também a unidade pediátrica do Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE) e dois novos serviços do Hospital e Maternidade Santa Isabel, a Casa da Gestante e o Centro de Parto Normal. Esta é a primeira unidade do estado a aderir à Rede Cegonha.


A unidade pediátrica do HUSE contará com 65 vagas no pronto-socorro e 50 leitos de internação e ajudará a ampliar a assistência às crianças. Atualmente, cerca de 150 meninos e meninas são atendidos por dia no hospital. Sobre o novo hospital de Estância, que recebe o nome de Dr. Jessé de Andrade Fontes, o Ministério destinou mais de R$ 3 milhões para aquisição de equipamentos.


Do total de recursos adicionais previstos para o estado, metade (R$ 30 milhões) será liberada nos próximos seis meses. Parte dos recursos será para as ações previstas da Rede Cegonha, como a melhoria do pré-natal, criação de leitos voltados ao atendimento de gestantes de alto risco e UTI Neonatal. A verba também será utilizada na criação de leitos de retaguarda em emergências e no custeio de Unidades de Pronto Atendimento, serviços do Saúde Toda Hora.


HOSPITAL UNIVERSITÁRIO – Na visita, Padilha anunciou, ainda, a liberação de R$ 1,8 milhão para o Hospital Universitário de Sergipe, que integra o Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (REHUF).


Este ano, os recursos destinados pelo Ministério da Saúde para os 45 hospitais universitários federais do país chegará a R$ 500 milhões. O programa REHUF prevê o aumento gradual do investimento do governo federal nessas unidades, além dos valores repassados mensalmente para custear o atendimento pelo SUS – em 2010, foi R$ 1,23 bilhão.


Fonte: Portal da Saúde