Fiocruz destina R$ 480 mil para produção de audiovisuais sobre saúde pública

Canal Viva Bem


A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) vai premiar com R$ 480 mil, no total, seis filmes sobre saúde pública: um de ficção, em média-metragem, com R$ 100 mil; dois documentários; e três animações de curta-metragem, com R$ 60 mil cada. Esta é a primeira vez que uma instituição científica federal lança edital público – disponível no http://www.fiocruz.br/editora/fiocruzvideo – com o objetivo de incentivar a produção nacional de vídeos sobre temas ligados à assistência pública de saúde.


Os filmes deverão abordar as seguintes temáticas: ciência e tecnologia e saúde; ambiente e saúde; cidadania e saúde; e educação em saúde. O filme de média-metragem deverá ter entre 40 e 52 minutos de duração. E os curtas, tanto os de animação, quanto os documentários, entre 15 e 30 minutos.


A iniciativa do lançamento deste concurso é da Vice-Presidência de Ensino, Informação e Comunicação da Fiocruz e a distribuição e difusão dos filmes vencedores será gratuita e feita pela VídeoSaúde. Os filmes também poderão ser comercializados em venda direta, a baixo custo, pela Fiocruz Vídeo, selo da Fundação recentemente criado com o objetivo de levar à população olhares e imagens sobre a saúde.


Um dos objetivos específicos do financiamento da produção desses filmes é o de incentivar a realização de vídeos sobre problemas relevantes para a saúde pública no Brasil, tais como doenças e afecções com elevados índices de adoecimento e mortalidade, doenças negligenciadas ou endêmicas, tais como malária, tuberculose e o Mal de Chagas, epidemias, ações preventivas e educativas.


A premiação também visa contribuir, através da força dos sons e imagens, para a melhor formação e capacitação dos profissionais de saúde, dos gestores, conselheiros e agentes de saúde. E os filmes selecionados deverão ser concluídos no prazo de seis meses a partir da liberação da primeira parcela do financiamento.


As inscrições serão aceitas durante a semana de 10 a 17 de abril, desde que atendam às especificações descritas no edital, recentemente lançado. Os projetos técnicos poderão ser encaminhados ao Fiocruz Vídeo – Vice-Presidência de Ensino, Informação e Comunicação da Fiocruz – Av. Brasil 4365 – sala 112 do Castelo Mourisco – Manguinhos – CEP 21040-900 – Rio de Janeiro – RJ. E dúvidas podem ser dirimidas pelo e-mail fiocruzvideo@fiocruz.br.