CIDADANIA

Canal Viva Bem


Nova etapa do ‘Sergipe de Todos’ começará em Pirambu


Foto: Lucio Telles/ASN


“Todos aqui têm um papel muito importante: entender o que vai ser passado e fazer com que as pessoas que precisem venham usufruir das ações”. A definição da primeira-dama Eliane Aquino nesta terça-feira, 27, sintetiza o objetivo da reunião de mobilização para a edição de retomada do ‘Sergipe de Todos’, cuja sexta edição será realizada em Pirambu. Efetuada no auditório do Clubinho da Tartaruga, na sede do município, o encontro reuniu técnicos do Governo de Sergipe, dirigentes municipais e agentes comunitários para a apresentação definitiva do projeto e acerto dos últimos detalhes antes da realização do evento.


Ação itinerante do Governo de Sergipe que objetiva levar serviços, cidadania e informação ao interior, o ‘Sergipe de Todos’ foi interrompido no segundo semestre de 2008 em virtude do período eleitoral. A etapa de Pirambu será realizada no próximo dia 6 de fevereiro, entre as 8h e às 17h, na Praça de Eventos do município.


Direito de todos


O prefeito de Pirambu, José Nilton de Souza, compareceu ao encontro e destacou que a iniciativa é a primeira grande ação integrada entre Governo e prefeitura em prol da recuperação do município. “Nos últimos cinco anos, Pirambu passou por momentos muito difíceis. Por isso, nosso compromisso é mudar a imagem do município no nosso estado. E nada melhor para promovermos essa mudança do que trazer um ‘Sergipe de Todos’, um projeto voltado basicamente para a população pobre e carente, que constitui 60% ou mais dos nossos 9 mil habitantes’, ressaltou.


Já a primeira-dama Eliane Aquino, convocou os líderes comunitários e municipais presentes a promover a mobilização da população local e destacou que as ações são voltadas, principalmente, aos que não têm acesso aos serviços. “É extremamente importante que a população conheça, cobre e utilize os serviços oferecidos pelo seu Governo. E isso vale tanto para aquele que tem a casa mais bonita na cidade quanto para aquele que mora no mais distante povoado. É um direito de todos”.


Eliane também ressaltou a importância da mobilidade do projeto. “Estamos aqui para promover mudanças na forma de se fazer ações no interior. Não queremos administrar o estado ficando apenas em Aracaju”, frisou a primeira-dama.


O pedreiro José dos Santos, presidente da associação de moradores do povoado Alaga Mar, em Pirambu, acompanhou toda a reunião e se mostrou entusiasmado com o projeto que chegará ao seu município. “Tenho certeza de que uma ação como essa vai ajudar nosso município a desenvolver bastante”, declarou.


Bem Mulher


Uma das principais novidades para a sexta edição do Sergipe de Todos é o projeto Bem Mulher, iniciativa da Secretaria de Estado da Saúde. A ação consiste na promoção de exames para permitir o diagnóstico precoce do câncer de mama e do câncer do colo do útero. O projeto surgiu depois que se identificou, nas edições passadas, que muitos os exames de lâmina realizados permaneciam estocados, de modo que quem os fazia não obtinha retorno com os resultados.


De acordo com a primeira-dama Eliane Aquino, o Bem Mulher, além de sanar essa demanda de forma localizada, também serve para que as mulheres influenciem os homens a fazer exames preventivos. “É importante que elas, a partir de suas experiências, também encorajem seus maridos a também evitar o câncer de próstata, por exemplo”.


Ferramenta de diálogo


Também presente na reunião, a secretária de Estado da comunicação, Eloísa Galdino, reforçou a convocação feita às lideranças locais. “As pessoas que estão aqui precisam se transformar em agentes multiplicadores das informações que passamos. Claro que estaremos presentes nas rádios e colocaremos carros de som por todo o município. Mas toda essa divulgação só pode ser potencializada se cada pessoa ajudar”, disse.


Ainda para a secretária, o projeto é uma ferramenta que o Governo de Sergipe dispõe para dialogar com os municípios e oferecer à população algo que lhes pertence por direito: cidadania. “O ‘Sergipe de Todos’ não é só o nome da iniciativa. É tambem o princípio que norteia nossas ações. E as pessoas devem usufruir delas porque é algo que lhes é de direito. A população deve, enfim, se apropriar de um Governo que é dela”.


Durante a reunião, a enumeração e o detalhamento dos serviços que serão oferecidos no próximo dia 6 ficaram a cargo do coordenador do ‘Sergipe de Todos’ e secretário adjunto da Cultura, Marcelo Rangel. Para ele, o projeto integra lazer, festividade e cidadania em um evento cada vez mais empenhado em levar mais serviços para a população. “O ‘Sergipe de Todos’ é parceria, integração e mobilização social. É uma iniciativa que não pretende resolver todos os problemas do município, mas permitir que os serviços do estado cheguem aos mais necessitados”, destacou.