CÂNCER DE MAMA

Canal Viva Bem


O sobrepeso pode ser a razão para as mulheres não se submeterem à mamografia


Mulheres obesas estão mais susceptíveis a desenvolverem câncer de mama, pois, não vão regularmente ao médico. É o que afirma a nova pesquisa do Dr. Maruthur Nisa e sua equipe da John Hopkins University School of Medicine, em Baltimore, nos Estados Unidos, publicada na Springer Journal of General Internal Medicine.


O câncer de mama é o segundo tipo de câncer que mais mata as mulheres americanas. A mamografia é a melhor maneira de diagnosticar essa patologia. Por isso, recomenda-se que mulheres com mais de 40 anos façam uma mamografia a cada dois anos.


Maruthur e seus colegas analisaram 17 estudos com mais de 276.000 participantes, para saberem se mulheres com sobrepeso fazem menos mamografias que mulheres com o peso normal. Eles também analisaram a aceitação do procedimento entre as mulheres afrodescendentes saudáveis e obesas. Os especialistas observaram que mulheres caucasianas severamente obesas fizeram 20% menos mamografias recentemente, em comparação com mulheres com peso dentro do normal. Entretanto, tal diferença não ocorreu entre as mulheres afrodescendentes.


Os autores destacam uma série de razões pelas quais as mulheres obesas não costumam se submeter à mamografia. Entre estas, a falta de auto-estima, a imagem corporal, constrangimento e indesejados conselhos sobre a perda de peso. Os autores sugerem também que haja uma diferença entre a imagem corporal de uma mulher caucasiana obesa e uma mulher afrodescente obesa.


Por fim, eles concluem afirmando: “a principal implicação do nosso estudo é mostrar que a falta de rotina nos exames pode explicar o aumento das mortes por câncer de mama entre mulheres obesas”.


Fonte: Medical News Today – Disponível em: www.medicalnewstoday.com/a