Anvisa abre consulta pública sobre forma de combater falsificação de medicamentos

Canal Viva Bem


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) abriu consulta pública na última semana com o objetivo de receber propostas da sociedade para um mecanismo que permita a rastreabilidade de medicamentos e dificulte a falsificação. A proposta divulgada pela Anvisa estabelece os requisitos mínimos para esse sistema.



De acordo com o documento, o mecanismo para rastrear e evitar falsificações deverá ser único e de baixo custo, para permitir a adaptação de fabricantes e comerciantes.



A proposta também determina a formação de um banco de dados que permita consultar a movimentação do produto a qualquer momento.


O documento considera a falsificação de medicamentos “um problema de saúde pública mundial, que pode causar danos irreversíveis ao paciente”.



No ano passado houve oito apreensões de remédios falsos no Brasil, cinco das quais de drogas para impotência sexual, segundo informações da Anvisa.



A consulta pública ficará aberta até o dia 3 de maio. Os interessados podem enviar contribuições pelo site da Anvisa.




Fonte: Agência Brasil