Samu 192 Sergipe já atendeu mais de 20 mil pessoas este ano

Canal Viva Bem


O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192 Sergipe) da Secretaria de Estado da Saúde (SES) já registrou 20.297 atendimentos desde o início do ano. Segundo o relatório mensal do Serviço, só no mês de julho foram quase três mil pessoas atendidas, a maioria de pacientes traumáticos, vítimas de acidentes nas rodovias. Adultos com problemas cardiovasculares e crianças com problemas clínicos ocuparam, respectivamente, a segunda e a terceira colocação nas chamadas.


 


De acordo com o coordenador geral do Samu Sergipe, Márcio Barretto, o maior problema enfrentado pelo Serviço continua sendo o alto índice de trotes. “Para se ter uma idéia, no mês de julho recebemos 42.806 chamadas, das quais 29.376 foram trotes, incluindo as ligações por engano e a busca por informações de outros serviços. Isso atrapalha bastante o nosso trabalho, pois deixamos de socorrer as pessoas que realmente precisam para atender quem não necessita de um trabalho de urgência”, alertou.


 


A gerente administrativa do Samu 192 Sergipe, Mariluce Barreto, frisou que é necessário chamar a atenção da sociedade para o problema. “A população precisa colaborar. No mês de maio, os trotes chegaram a diminuir 80%, mas nos meses seguintes estes números voltaram a subir. Quando há um trote, além de atrapalhar o atendimento às pessoas, desperdiçamos tempo e combustível”, disse a gerente.


 


Rodovias


Os atendimentos feitos na BR-101 em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) também cresceram. Em fevereiro, quando foi efetivada a parceria, 10 chamadas foram atendidas. Em julho esse número aumentou para 47. “Conseguimos prestar atendimento rápido e eficaz nas rodovias durante as férias escolares, já que neste período, e na época das festas, acontecem mais acidentes nas estradas”, avaliou Mariluce.